Tendências 2017 para os pequenos negócios

  • fredrocha
  • sem-categoria
  • 06, June

Há mais de cinco anos, escuto sobre as mesmas tendências mundiais relacionadas à internet das coisas, multicanal, social, etc. Porém, quantas dessas tendências os pequenos negócios já conseguiram implantar?

Posso responder com propriedade, nenhuma.

Este ano de 2016, realizei mais de 80 palestras, acumulando milhares de milhas e quilômetros rodados. Com o projeto “O melhor vendedor do Brasil” estou tendo a oportunidade de ter contato direto com esse setor, por meio das diversas visitas técnicas, conhecendo a realidade local dos pequenos varejistas de capitais e de pequenas cidades do interior, percorrendo do Chuí ao Oiapoque do Brasil. Os desafios, os problemas desses empreendedores ainda estão enraizados no básico do varejo. Se eles conseguirem fazer o básico bem feito, terão os seus problemas solucionados e um próspero 2017, vendendo bem.

Então, pequeno negócio, a tendência para 2017 é não ter tendência. Faça o básico bem feito.

Já parou para pensar em tudo que você promete para o cliente? Está conseguindo cumprir essa promessa? A vitrine da loja está organizada e atrativa? Quando o cliente entra na loja, ele é atendido por um vendedor prestativo que tem conhecimento do produto e interesse em ajuda-lo? A loja está limpa, os preços estão bem sinalizados? O mix de produtos está atendendo as demandas do consumidor ou as gôndolas estão lotadas de produtos sem saída e os mais procurados estão em falta? Você valoriza a sua equipe e a motiva para que ela faça o seu trabalho sempre da melhor forma possível?

Isto serve também para você que presta serviço.

Assista como seu cliente está sendo atendido e se coloque no lugar dele. A partir disso, dentro das suas possibilidades reais, reúna com a sua equipe e de imediato, se achar necessário, comece a reescrever uma nova forma de fazer varejo, pensando sempre no seu cliente e no futuro do seu negócio.

Falando assim, parece que estou falando de coisas que você já está cansado de saber que devem ser feitas? Mesmo parecendo simples e básico, muitas empresas ainda têm dificuldade de fazer este dever de casa, que é o pilar para o crescimento de qualquer negócio.

Anote aí, o que você não pode deixar de fazer em sua loja para 2017 e está ao seu alcance:

  1. Curadoria de produtos: pesquise quais produtos o seu cliente mais procura. Feito isso, não se deixe enganar por outros produtos que a indústria te ofereça com preços atrativos. Não faça estoque do que não é procurado. Tenha sempre o que o seu cliente quer e deixe esses produtos expostos de forma atrativa.
  2. Invista em pessoas: os seus vendedores são as pessoas que mais entendem dos seus produtos e dos seus clientes. Sendo assim, você precisa valorizá-los! Ofereça um bom salário e incentive os que alcançam a meta. Faça reuniões semanais e treinamentos com fornecedores. Os vendedores precisam estar bem treinados e motivados para o seu negócio prosperar.
  3. Dê atenção aos clientes: os clientes precisam de um bom atendimento seja pessoalmente, telefone, e-mail ou pelas redes sociais. Nunca deixe um e-mail, mensagem ou comentário nas redes sociais sem resposta!

Além da consciência da importância desse básico bem feito, é importante ter disciplina para que ele se torne uma rotina no dia a dia da loja. Não adianta viajar em um mundo de tendências relacionadas à tecnologia se na sua realidade o cliente não tem o que é prometido.

Minha dica para ter sucesso em 2017 é que a sua meta para o ano seja cumprir o que você vem prometendo ao seu cliente. O cliente não se deixa enganar como a balança, que você sempre fala que vai emagrecer e no ano seguinte tem que aumentar a meta. Se ele é mal atendido, procura outro lugar que atenda bem às suas expectativas.

E pode ter certeza, se você não faz, outro irá fazer.